domingo, 17 de maio de 2009

SURPRESA....


HOJE AMOR, ESPERO POR TI COM UMA SURPRESA.
ESPALHEI INCENSO E PÉTALAS DE FLORES
PELA SÍTIOS ONDE FAZEMOS AMOR!
TENHO CHAMPANHE E MORANGOS Á TUA ESPERA!
ACENDI VELAS E COLOQUEI A "NOSSA" MUSICA.
ASPARGI EM MIM O TEU PERFUME PREFERIDO
E AGUARDO-TE COM DESEJO RENOVADO E REDOBRADO.
CHEGAS E VEJO O BRILHO NOS TEUS OLHOS,
ILUMINADOS POR UM DESEJO SÚBITO DE LUXÚRIA.
SINTO A PULSÃO URGENTE QUE TE RECLAMA.
O MEU CORPO ESPERA TENSO E O ODOR DOCE DO "CIO"
MISTURA-SE COM AS FRAGRÂNCIAS QUE SE DESPRENDEM DE TI.
HÁ UM MISTÉRIO POR REVELAR DE CADA VEZ QUE NOS AMAMOS.
DESCOBRIMO-NOS EM CADA MOMENTO DE ENTREGA,
EM CADA BEIJO, EM CADA CARÍCIA, EM CADA MOVIMENTO.
OS NOSSOS CORPOS CONHECEM-SE BEM, TAL COMO NÓS.
CAMINHOS FÁCEIS DE ENCONTRAR, DE TANTAS VEZES PERCORRIDOS,
MAS SEMPRE NOVOS E COM NOVA SENSUALIDADE E EXTASE.
É ASSIM QUE NOS AMAMOS, NOS COMPLETAMOS E EXALTAMOS DE PRAZER!
.....................................................................................................................................


8 comentários:

  1. É assim a força do amor ;)

    beijinhos e dá-lhe forte hehehehehe

    ResponderEliminar
  2. Origada pela visita ao meu canto e pelas palavras deixadas.
    Espero que voltes.
    Eu voltarei certamente!
    Gostei da força do amor que aqui reina.
    um abraço
    tulipa

    ResponderEliminar
  3. Olá querida, passando para agradecer-lhe a visita!
    Adorei seu cantinho! Que belo post, muito caliente,rsrsrs
    Espero que volte sempre, bjsss

    ResponderEliminar
  4. Obrigado pela sua visita
    o seu blog lindo como sempre adorei este post
    um beijo com muito carinho

    ResponderEliminar
  5. Nelly,

    Vislumbro nas tuas palavras
    uma radiosa e intensa luz...
    Deusa da noite
    que desliza sinâmbula
    no rumor do desejo.
    Sinto-me preso no teu insano olhar,
    elevo o meu corpo
    sob o arco das tuas pernas
    deslumbrantes,
    da tua orquidea incandescente!
    Teu prazer e desejo
    são agora o caminho
    para a libertação mais
    insana e profana do delirio,
    até adormecer lânguidamente sobe o teu sexo...


    Doces beijos...

    ResponderEliminar
  6. Querida amigos:

    As saudades eram muitas, sentia a falta de escrever, de vos sentir, da vossa amizade. Mas era muito importante para mim este espaço de reflexão, esta paragem.

    Muito obrigado, pelo apoio, pelo carinho e compreenção manisfestados, ao longo destes dias de ausência.

    Bem hajam!

    Beijos e abraços com muita amizade.

    Mário

    ResponderEliminar
  7. Nely,

    Gostei muito deste poema, mesmo!!!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  8. OLA
    ADOREI ESSE BLOG
    É MUITO GOSTOSO, ALEGRE E INFORMATIVO

    BEIJOS... VOU TE SEGUIR

    ResponderEliminar